Mais espaços lúdicos para os jovens

 

Ana Paula Bayer, acredita que um dos grande problemas na freguesia da Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, para além dos muitos e variados problemas que têm de ser resolvidos, é a falta de espaços onde os jovens possam desfrutar nos seus tempos livres e nas férias, de locais de convívio e de lazer, de empreendedorismo, e de atividades lúdicas aquáticas.

 

“Como é que podemos querer que as crianças e jovens se desenvolvam apropriadamente, e adquiram características tais como o espírito de grupo e a camaradagem e melhorem as suas competências sociais, ao praticarem desporto e atividades em grupo se não há equipamentos suficientes para abranger toda a população jovem e juvenil da freguesia? Como é que podemos incutir valores como a proteção e estima pelo meio ambiente se não existe por parte dos nossos jovens contacto com a natureza?”

 

Questionam e bem porque é que isto não foi pensado antes pelos anteriores executivos camarários e como é que podemos proporcionar isso à nossa juventude, com os meios que temos.

 

À primeira pergunta, Ana Paula não sabe responder. Quanto ao como, referiu que existem espaços que podem ser transformados para este efeito, tais como o tanque na quintinha, que poderia ser destinado ao uso público, bem como o da Quinta da Fervença. Adaptados, poderiam servir para as crianças e jovens aproveitarem para brincar e nadar, e se refrescarem nos dias quentes que se fazem sentir sempre na época estival. Também que o espaço verde que circunda a Piscina Municipal da cidade, pode ser requalificado, sendo um local aprazível para aproveitar a sombra e estar ao ar livre, e fazer um piquenique, talvez. No local pode ser criada uma esplanada com café, que também sirva refeições saudáveis e frescas, de produtores locais ou próximos da freguesia, pensando assim também na sustentabilidade ambiental e energética.

 

A zona ribeirinha, que está a ser subaproveitada, poderia acolher desportos e atividades aquáticas, tais como a vela, a canoagem, o paddling, aqua zorbing e outras mais. 

O espaço conta com uma zona para arrumação de barcos, local de apoio e balneários. A sua promoção  foi atribuída ao União Atlético Povoense, mas está ao abandono, mesmo com os apoios camarários e da junta, e é necessário criar um novo protocolo com uma entidade que se ocupe do local.

 

Outra proposta passa pelas casas da juventude. “Não é com meia dúzia de mesas, cadeiras e computadores obsoletos que se atraem os jovens. É crucial promover um espaço atrativo e que motive os jovens a permanecer. Um espaço onde possam desenvolver o Coworking, onde possam ensaiar as jovens bandas ou grupos de teatro, um espaço que permita verdadeiramente o estudo e a pesquisa, um espaço onde possam conviver em segurança”.    

 

Ana Paula Bayer sabe o que quer e certamente a veremos a tomar as melhores decisões para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos de Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa.

 

Vote nesta Nova Geração de candidatos.

 

 

 

 

Partilhar
Partilhar